Luta por justiça: seminário em Brumadinho reúne vítimas de grandes tragédias recentes no Brasil provocadas pela omissão de empresas

Contra a impunidade, pela primeira vez, representantes das vítimas de tragédias de Brumadinho, Mariana, Maceió, todas provocadas pela ação de mineradoras, e da Boate Kiss estarão juntos para debater com integrantes de órgãos da justiça e da polícia os desafios brasileiros para evitar novas ocorrências como essas, bem como investigar e responsabilizar os culpados

Seminário “5 Anos Sem Justiça – Rompimento Barragem da Vale em Brumadinho – 272 mortes” será no dia 22 de janeiro, das 8h às 17h, na Câmara Municipal de Brumadinho

O seminário “5 Anos Sem Justiça – Rompimento Barragem da Vale em Brumadinho – 272 mortes” vai reunir, pela primeira vez, representantes das vítimas das maiores tragédias do Brasil: familiares das vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, atingidos pela barragem de Fundão em Mariana, integrantes da Associação de Defesa das Vítimas da Braskem, todas tragédias provocadas pela ação de mineradoras, e familiares das vítimas do incêndio da Boate Kiss. Ainda participam do encontro integrantes dos órgãos de justiça e da polícia.

Promovido pela AVABRUM (Associação dos Familiares de Vítimas e Atingidos pelo Rompimento da Barragem Mina Córrego do Feijão-Brumadinho), o encontro acontece no próximo dia 22 de janeiro, das 8h às 17h, na Câmara Municipal de Brumadinho (Praça da Paz Carmem Oliveira, s/nº – Bairro São Conrado).

A participação é livre e gratuita e não é necessária inscrição prévia. Os participantes do evento terão à disposição certificados de participação enviados por e-mail.

Foto: AVABRUM

Programação

8h – Credenciamento

9h – Abertura

9h15 – Mesa 1: Depoimentos dos familiares e vitimados de grandes tragédias-crime no Brasil e a impunidade

– Neirevane Nunes, moradora da área afetada e representante do Movimento Unificado de Vítimas da Braskem (Maceió)

– Rikartiany Cardoso, moradora de Maceió, integrante do Movimento pela Soberania Popular na Mineração

– Paulo Carvalho, pai do Rafael Carvalho, vítima da tragédia da boate Kiss, diretor jurídico e representante da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria

– Flávio Silva, pai da Andrielle Righi da Silva, vítima da tragédia da boate Kiss, diretor do conselho e representante da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria

– Pâmela Rayane, mãe da Emanuelly Vitória, vítima do rompimento da barragem do Fundão (Mariana)

– Mônica Santos, representante da Comissão de Atingidos da Barragem do Fundão (Mariana)

– Andresa Rodrigues, mãe do Bruno Rocha Rodrigues, vítima do rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão e representante da AVABRUM (Brumadinho)

12h30 – Intervalo para o almoço

14h – Mesa 2: Os bastidores do caminhar da Justiça em relação ao rompimento da barragem em Brumadinho

– Juíza de Direito Perla Saliba Brito (TJMG)

– Promotor de Justiça Francisco Generoso (MPMG)

– Delegado de Polícia Cristiano Campidelli (Polícia Federal)

16h – Mesa 3: A ação penal na Justiça Federal

– Procurador da República Bruno Nominato (MPF)

– Lançamento do site do Observatório das Ações Penais da Tragédia em Brumadinho

– Juíza do Trabalho Rosaly Stange Azevedo (Associação Juízas e Juízes para a Democracia)

17h30 – Encerramento

Associação luta por justiça
A tragédia-crime da mineradora Vale em Brumadinho vitimou 272 pessoas em cerca de 2 minutos e até hoje ninguém foi punido. Reunidos na AVABRUM, seus familiares lutam desde então por justiça, para que os culpados sejam responsabilizados; pelo encontro de todas as vítimas – 3 ainda estão sob a lama, não localizadas; memória, para que o crime e suas vítimas não sejam esquecidos; direito dos familiares e não repetição do crime.

Na semana que antecede o próximo dia 25 de janeiro, quando o rompimento completa 5 anos, várias ações serão promovidas pela associação para clamar por justiça e para que novas tragédias como essa não se repitam. No dia 25, um grande ATO por Justiça acontece no Letreiro de Brumadinho

Além do seminário, a AVABRUM promove este mês de janeiro em homenagem às vítimas, um passeio ciclístico, uma carreata seguida de um momento de louvou e o Ato 5 Anos Sem Justiça. Confira a programação completa abaixo

SERVIÇO

5 ANOS DO ROMPIMENTO DA BARRAGEM DA VALE

Dia 21 – Domingo
O quê – 2° edição do Memory Day, Passeio Ciclístico em Homenagem às Vítimas
Horário – 7h (Concentração na Praça das Joias)
Percurso – Saída às 8:30 para o passeio ciclístico pela cidade de Brumadinho
Inscrições gratuitas: Troca por kit higiene pessoal: 3 escovas de dentes, 3 sabonetes, 3 cremes dentais e 1 pacote de absorvente feminino
Informações: 31 98899-7282 (Rubia)

Dia 22 – Segunda
O quê – Seminário 5 Anos Sem Justiça – Rompimento Barragem da Vale em Brumadinho – 272 mortes
Horário – das 8h às 17h
Local – Câmara Municipal de Brumadinho – (Praça da Paz Carmem Oliveira, s/nº – Bairro São Conrado).
Programação – confira acima

24/01 – Quarta
O quê – Carreata da Justiça
17h – Concentração no Cemitério Parque das Rosas
19h30 – Momento de Louvor na Praça das Joias

Dia 25 – Quinta
ATO DE 5 ANOS
11h30 – Letreiro de Brumadinho

Compartilhar:

Pesquisas